Follow by Email

quinta-feira, 24 de março de 2011

POR UMA VISÃO MAIS BELA

O mundo ficaria bem mais bonito se as pessoas se arrumassem um pouquinho melhor. Nada contra quem prefere andar "largado", mas você não se sente melhor quando se vê melhor? Quando está no mínimo decente, com calça jeans e camiseta, e não com calça suplex e salto alto (Deus me livre)?
Só gostaria de dizer que um pouco de bom senso não faz mal a ninguém, só bem.


Débora Souza 24.03.11

quinta-feira, 17 de março de 2011

Fútil e útil

Pode até parecer meio fútil, mas se tem algo de que não abro mão, é um bom sapato. Confortável, lindo, macio, lindo, flexível, lindo e lindo e mais lindo...

Olhem os Oxford floridos. São tudo.



Na verdade é fútil mesmo. E daí?

Débora Souza 17.03.2011

terça-feira, 8 de março de 2011

TODA MULHER É MALA

A mulher consegue ser tudo. Já viu um ser tão versátil quanto a mulher?
A louca consegue trabalhar o dia inteiro e ainda ser mãe, mulher, amante, sogra, filha, irmã, chata, boazinha, engraçada, gorda de mais, magra de mais, linda de mais, dona de cão, dona de gato, conversar com o papagaio, fazer compras e ainda respirar.

Toda mulher é uma mala bem cheia de tudo. As malas que ficam paradas, acabam sendo esquecidas, ficam empoeiradas, enferrujadas, mal amadas, adas...
Já guardou uma mala em baixo da cama ou em cima do guarda roupa?
Anos depois você encontra a mala e pensa quando foi a última vez que a usou. "Nossa! Faz tanto tempo desde a última vez que a enchi e carreguei ela por ai. Não tinha nem rodinhas na época."

A mulher é uma mala que precisa repor seu conteúdo, não só doar o que tem. A mulher é tão cheia de tudo que precisa se expandir, rodar, girar, aumentar sua bagagem. Toda mulher tem tudo dentro de si esperando para ser solto ou ganhar companhia de mais conteúdo.

Já percebeu como uma mulher consegue fazer 200 coisas ao mesmo tempo? Não? Então você é homem.

Feliz dia internacional da mulher.

OBS: Quando um homem diz que você não pode, na verdade quem não pode é ele.


Débora Souza 08.03.2011

(Escultura em cerâmica. Artista, Débora Souza)

quarta-feira, 2 de março de 2011

Eu não sei ter férias

Hoje descobri que não sei estar de férias. Não é por não ter o que fazer, é o contrario, eu tenho tantas coisinhas deixadas pra trás pra fazer, que não sei o que fazer primeiro. Bom, dormir é uma delas , já que normalmente não durmo muito. Mas pergunta se consigo dormir até muito tarde, como pessoas normais fariam se estivessem de férias. Não.
O negócio é o seguinte... Tenho que organizar, não o que tenho a fazer. Tenho que organizar as ideias.

Fui.......

Débora Souza 02.03.2011